fbpx

Cafeína: Anti-inflamatória e antienvelhecimento?

É verdade que existe uma longa lista de estudos que ligam o hábito de beber café e cafeína em si para melhorar a saúde, mas o que vamos destacar é um estudo mais detalhado que examina como a cafeína pode estar agindo contra a inflamação.
 

Pesquisadores da Universidade de Stanford abordam a forma como a cafeína pode não apenas despertar, mas também bloquear as moléculas inflamatórias.
 

“O que mostramos é uma correlação entre consumo de cafeína e longevidade. Nós mostramos estudos mais rigorosos em testes de laboratórios, apresentamos um mecanismo muito plausível para o porquê isso pode ser assim “, disse Mark Davis da Universidade de Stanford em um comunicado para a imprensa.
 

Sabemos que a cafeína pode bloquear os efeitos da adenosina em nossos corpos acreditando que a cafeína nos desperte. Até o momento, sabemos que o bloqueio da adenosina também pode ser como a cafeína ajuda a reduzir a inflamação, de acordo com uma nova pesquisa.
 

Os pesquisadores ainda não conseguem explicar completamente como a cafeína está interferindo na inflamação e os resultados não são suficientes para basear quaisquer recomendações comportamentais de fora.
 

O The Cutter é o nosso suplemento a base de cafeína, saiba mais.